Outubro Rosa 2013

Outubro Rosa 2013
Outubro é considerado o mês oficial de combate ao câncer de mama. (Foto: Divulgação)

Dentre as doenças que mais afetam a população está o câncer de mama. O câncer de mama está sem dúvida entre as três doenças que mais matam em todo o mundo. Tendo como alvo principal as mulheres, a prevenção e conscientização deve ser feita rotineiramente. Pensando nisso que foi criado o Outubro Rosa, um momento especial de conscientização a respeito do câncer.

A doença não tem idade para aparecer e não atinge apenas quem tem casos na família. Continua mais presente nas mulheres acima dos 50 anos, mas um dado positivo é a queda da mortalidade com o passar do tempo por conta do exame precoce. Por isso, os cuidados são primordiais para a vida.

“Mulheres entre 50 e 69 anos devem fazer o exame de mamografia a cada dois anos, já as de 40 a 49 anos devem fazer o exame clínico anualmente. E as mulheres que tem histórico familiar, devem fazer a prevenção com o exame clínico, primeiramente, e a mamografia anualmente”, explica a médica oncologista Andrea Miranda Perdoná.

Campanha Outubro Rosa 2013

Outubro é considerado o mês oficial de combate ao câncer de mama. A campanha Outubro Rosa incentiva o autoexame e também a mamografia para ampliar as chances de diagnóstico precoce e aumentar as chances de cura. O exame é simples e salva muitas vidas pelo mundo inteiro.

No mês oficial de prevenção e combate a doença, o tema do outubro rosa deste ano é “Se toque, as poderosas se cuidam: mamografia todo ano e autoexame todo mês.” O grupo que promove a campanha pelo quarto ano consecutivo, vai às ruas neste fim de semana e também na semana que vem. “Vai acontecer dia 5, a partir das 11 horas na Praça Rui Barbosa e no dia 13 de outubro, na Avenida Getúlio Vargas, onde as vamos estar orientando e fazendo e um trabalho de alerta às mulheres”, destaca a também voluntária Clara Vasconcelos.

Segundo dados divulgados pelo Instituto Nacional de Câncer, a estimativa até o fim deste ano é de que quase 53 mil mulheres sejam diagnosticadas com câncer de mama. A doença é a que mais mata entre as mulheres no Brasil.  Por causa da seriedade o assunto está sendo tratando também na novela “Amor à Vida” da Rede Globo. O drama da personagem Silvia, interpretada pela atriz Carol Castro, mostra bem a realidade de algumas mulheres.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *