Poesias de Vinicius de Moraes

A poesia são palavras bonitas no qual são ditas palavras de amor, paixão, sabedoria e amizade, a poesia ajuda muito na hora de você expressar o seu sentimento a outra pessoa.

Uma das poesias muito procradas para serem ditas são as do poeta Vinicius de Moraes que além de lindas possui concordâncias faceis de se compreender, as poesias podem ser ditas a qualquer pessoas e não somente a um amor.

As poesias tem a intenção de ajudar a você a se expressar e a pessoa que recebe a compreender, ler poesia é um modo de entender certos sentimentos de forma correta.

Confira abaixo algumas poesias de Vinicius de Morais:

Soneto do amigo

Enfim, depois de tanto erro passado
Tantas retaliações, tanto perigo
Eis que ressurge noutro o velho amigo
Nunca perdido, sempre reencontrado.

É bom sentá-lo novamente ao lado
Com olhos que contêm o olhar antigo
Sempre comigo um pouco atribulado
E como sempre singular comigo.

Um bicho igual a mim, simples e humano
Sabendo se mover e comover
E a disfarçar com o meu próprio engano.

O amigo: um ser que a vida não explica
Que só se vai ao ver outro nascer
E o espelho de minha alma multiplica…

Soneto da separação

De repente do riso fez-se o pranto
Silencioso e branco como a bruma
E das bocas unidas fez-se a espuma
E das mãos espalmadas fez-se o espanto.
De repente da calma fez-se o vento
Que dos olhos desfez a última chama
E da paixão fez-se o pressentimento
E do momento imóvel fez-se o drama.

De repente, não mais que de repente
Fez-se de triste o que se fez amante
E de sozinho o que se fez contente.

Fez-se do amigo próximo o distante
Fez-se da vida uma aventura errante
De repente, não mais que de repente.

Eu não existo sem você

Eu sei e você sabe, já que a vida quis assim
Que nada nesse mundo levará você de mim
Eu sei e você sabe que a distância não existe
Que todo grande amor
Só é bem grande se for triste
Por isso, meu amor
Não tenha medo de sofrer
Que todos os caminhos
Me encaminham pra você

Assim como o oceano
Só é belo com luar
Assim como a canção
Só tem razão se se cantar
Assim como uma nuvem
Só acontece se chover
Assim como o poeta
Só é grande se sofrer
Assim como viver
Sem ter amor não é viver
Não há você sem mim
Eu não existo sem você

Um comentário em “Poesias de Vinicius de Moraes

  • 8 de março de 2011 em 3:12 pm
    Permalink

    Começei a gostar dos poemas de vinicius de moraes e poesias sao cada poesias lindas e poemas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *